O presente artigo pretende explicar este novo conceito cada vez mais em voga na atualidade que consiste em consultas de psicologia online. Estas apresentam uma intervenção semelhante às consultas presenciais, contemplando a escuta ativa e a empatia desenvolvida ao longo das sessões entre terapeuta e cliente.

Estudos e pesquisas demonstram que o atendimento psicoterapêutico online apresenta resultados tão eficazes quanto a psicoterapia presencial, transformando-se numa alternativa atual para as pessoas que necessitam de aconselhamento e orientação de forma mais breve e focada.

Assim como a psicoterapia presencial, a orientação psicológica online obedece à ética profissional do psicólogo, mantendo o sigilo e respeito ao paciente. Desta forma, é fundamental que o paciente evite usar computadores públicos e apague os registos das suas conversas, assegurando que o antivírus está atualizado.

Como se pode recorrer à orientação psicológica online?

Este apoio online oferece orientação e aconselhamento, nomeadamente no que diz respeito a pessoas com dificuldades emocionais e pessoais relacionadas com diversas situações do seu cotidiano, com duração máxima de 10 sessões.

Pode ser realizado via MSN, email ou SKYPE, sendo privilegiado o uso de web camera para possibilidade de contato visual.

Qualquer pessoa com mais de 18 anos pode usufruir deste serviço, sendo que os menores de idade necessitam duma autorização dos responsáveis.

Benefícios da orientação psicológica online:

1.Prático e confortável: Por ser online não implica a deslocação do paciente, podendo estar em sua casa ou trabalho, cidade ou país diferente e poderá de igual forma obter apoio psicológico;

2.Facilidade no diálogo e relação terapêutica: Permite que as pessoas mais inibidas ou que sofram de fobia social exteriorizem os seus sentimentos, medos e problemas com maior facilidade;

3.Oferece maior privacidade: Uma vez que, o paciente pode manter o anonimato, se assim o desejar, indo diretamente ao foco dos seus problemas e preocupações, agilizando assim a intervenção.

Desta forma, verifica-se nos últimos anos um aumento do número de pessoas que recorrem a este tipo de serviço, sendo que o principal motivo indicado é o carácter prático e confortável que a orientação psicológica oferece e a maior facilidade que os pacientes apresentam em expressar os seus sentimentos via online.

Fonte: Psicologia 4U