É muito comum ouvirmos que o frio é psicológico. Como esta é uma frase que é muito dita – especialmente agora no outono e no inverno – decidi responder a uma dúvida presente em diversas conversas. Afinal, o frio é mesmo psicológico? Bem, para respondermos a esta questão devemos dizer primeiro o que é psicológico, não é mesmo? Você já ouviu ou sabe o que quer dizer psicológico?

Psicológico vem de psique, palavra grega que significa alma. Então, ao falarmos que o frio é psicológico estamos dizendo que o frio é psíquico, o frio vem da alma e não do corpo. Agora, a questão é responder se o frio é psicológico ou se o frio é corporal. Vejamos:

O frio não é psicológico

O frio não é psicológico pois sabemos que a temperatura externa afeta o organismo que reagirá ao ambiente de uma determinada maneira. Por exemplo, em temperaturas altas o corpo sua para equilibrar a temperatura, e em temperaturas baixas o corpo tem seus mecanismos de proteção, como por exemplo, os pelos se arrepiam, o corpo fica encolhido, etc.

Então, o frio não é psicológico pois há algo objetivo com o qual podemos ter certeza que as pessoas reagirão com respostas típicas, de acordo com a temperatura. Basta pensarmos no número de pessoas que irão à praia quando estiver 10 graus Celsius. O número será, claro, infinitamente inferior ao número de pessoas que sairão quando estiver 35-40 graus.

Fonte: Psicologia MSN